Slider 5
1 2 3 4

Dicas de Viagem- Punta Cana (Resort Catalonia Royal Bavaro)- Minha Lua de Mel


Hoje a #dicadeviagem é Punta Cana, banhada pelo mar do Caribe, na região leste do país Republica Dominicana (America Central) onde passei minha Lua de Mel.
Essa cidade não é a capital, que é Santo Domingo, mas possui a maior parte turistica do país e apresenta uma grande quantidade de resorts. Ganhou fama mundo afora por todos eles se apresentarem com o sistema ``all inclusive``- com toda a alimentação incluída - com pacotes acessíveis se comparados ao do nordeste brasileiro e que também traz mais segurança com gastos de alimentação.
Antes de viajar fiquei super apreensiva pesquisando em vários sites sobre qual rede de resort escolher em Punta Cana. Um site que achei bacana foi o Tripadvisor que mostra informações e fotos (+ vídeos) de clientes e lá pesquisei a rede Bavaro (no qual fiquei) que foi recomendado por conhecidos do meu marido.
Essa mesma rede é dividida em três resorts (um ao lado do outro) e ficamos no Royal (um resort exclusivo adultos onde é proibido crianças). Podiamos circular pelos outros dois resorts da rede mas, os turistas dos outros não podem ir até o nosso. A vantagem é a tranquilidade e poder acessar qualquer ambiente e restaurante fora da nossa area. 
Como o resort é enorme, há mapas para nos ajudarem a nos localizarmos. Havia diversos restaurantes (italiano, mexicano, japa, creperias e tudo mais) e nós tínhamos uma pulseira (tipo vip) no qual poderíamos frequentar alas privilegiadas destes. Tinha bares tanto na praia quanto na piscina- bar molhado- que serviam desde de bebidas destiladas, cerveja(meu marido não gostou muito pois não é tão gelada) e drinks deliciosos (esses nós nos esbaldamos rs). 
Quase não vimos brasileiros por lá.. Todos achávamos que eramos de Portugal e quando falávamos Brasil se empolgavam por também sermos latinos. Lá é comum as mulheres fazerem top less (eu não me arrisquei). O que achamos legal nos restaurantes (e que não estamos acostumados) é que em todos serviam a entrada, prato principal e sobremesas. Sempre pedíamos tudo para experiementar.rs. Além, de todas as opções de restaurantes o resort ainda oferece o room service 24 horas. Poucas vezes pedimos lanches para comer no quarto porque preferíamos ir aos restaurantes mesmo, mas usufruímos a vontade o frigobar, tudo isso sem nenhum custo adicional.
O que achamos muito engraçado foi a espera dos camareiros por gorjetas. Mas, mantivemos a  fama dos brasileiros e demos umas ou duas vezes apenas rsrs. Perto do resort tem uma feirinha no qual os nativos fazem artesanato com matérias primas locais e as vezes fazem exposição dentro do resort. É um pouco incomodo pois, eles querem te dar presentinhos o tempo inteiro e ficam ofendidos quando você diz que não vai comprar nada. Mas, depois que "acostumamos" com isso passávamos direto e ficava tudo bem.
A água do mar é clarinha porém, tem muitas algas que mesmo eles limpando mais de uma vez ao dia sempre estão lá. Água quentinha e muito gostosa. Como fomos em agosto estava bem vazio mas, conhecidos que foram em alta temporada falaram que é preciso chegar cedo para conseguir um bom lugar na praia. Eu nem levei meu tablet, celular com receio de roubarem mas, podem levar sem medo todos os turistas deixam as máquinas caras, computadores, iphones... nas mesas enquanto estão caminhando e tudo mais e não tem problema nenhum.
Para quem quisesse fazer passeios fora do resort (passeio pagos) havia a visita a ilha Saona (aonde dizem ter sido filmado o filme A lagoa azul) e a parques aonde poderiamos interagir com focas, golfinhos e leões marinhos. Não quisemos faze-los mas teve pessoas que disseram que a visita a ilha Saona valeu a pena e outras que nem tanto, por ser distante, gastar muito tempo(um dia inteiro) e não ter uma beleza diferente da do resort. Mas todos foram unanimes em dizer que a visita ao parque(meio dia de passeio) com os animais valeram a pena.
Em uma das noites teve uma festa na praia que foi muito divertida, com DJ e preparação tipo boate e sempre com muita fartura.
Um dos dias almoçamos paella, feita na praia, que estava deliciosa. Ah podiamos pegar snock e andar de caiaque sem nenhum custo a mais.
Enfim, foi a melhor viagem da minha vida e pretendo voltar outras vezes (agora com a filhinha).

7 comentários:

  1. Nossa, que delícia! Tenho muita vontade de conhecer Punta \o/

    Bjos =*

    ResponderExcluir
  2. Vontade de ir pra lá agora! Pode??????????????

    ResponderExcluir
  3. Que lugar maravis! Adorei

    ResponderExcluir
  4. Queria saber uma média de preço e se é fácil se comunicar falando português!

    ResponderExcluir
  5. Amei essa dica! A resenha as fotos.. as comidas parecem ser muito gostosas! Ficou quantos dias?

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário!
Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
29 anos, Mãe de duas Princesas, Maquiadora, Casada, Viciada em makes e afins e adora escrever!
 
By Iâni Naíra